Investimento TC-C14-i02

Investimento TC-C14-i02

i02: Potenciação da eletricidade renovável no Arquipélago da Madeira (69 M€)

A Região Autónoma da madeira prevê a criação de condições para a operação do sistema elétrico sem componente termoelétrica (através da implementação de projetos estruturantes), quando houver disponibilidade de recursos renováveis, assentando nas seguintes vertentes:

  • Criação de condições à maximização da integração de fontes de energia renováveis;
  • Criação de regime jurídico próprio para a produção de eletricidade renovável na RAM;
  • Digitalização da rede elétrica – desenvolvimento das redes inteligentes;
  • Aposta na eficiência energética em todos os setores de atividade;
  • Eletrificação dos consumos;
  • Criação de condições de atratividade necessárias ao investimento privado na produção de eletricidade renovável (tarifas de referência e leilão).

Neste contexto, foram previstas as ações seguintes:

  • Aumento da capacidade de produção de energia com base na fonte hídrica remodelação integral da Central Hidroelétrica da Serra de Água e remodelação da Central Hidroelétrica da Calheta I;
  • Instalação de um sistema de baterias para o reforço da capacidade da produção de eletricidade renovável (Porto Santo e Madeira);
  • Instalação de um compensador síncrono, visando contribuir para a operação segura do sistema elétrico, com recurso integral a energias renováveis;
  • Desenvolvimento de redes inteligentes para promover a descentralização da produção de energia e assegurar a gestão de um sistema elétrico cada vez mais complexo, com a produção para autoconsumo e outra produção descentralizada, bem como o crescente desenvolvimento da mobilidade elétrica, salientando-se a substituição de 130.000 contadores tradicionais por inteligentes, associados à rede de comunicações, num prazo de 5 anos, a modernização da rede de iluminação pública (8.750 pontos) ou o desenvolvimento de sistemas de carregamento de veículos elétricos inteligentes.

Pretende-se ainda revitalizar (em 6,2 MW) e incrementar (em 4 MW) a potência instalada em centrais hidroelétricas e a melhoria de infraestruturas conexas, aumentar a capacidade instalada em sistemas de armazenamento com baterias (em 21 MW/27Wh), instalar 1 compensador, aumentar (em 48 MW) a capacidade de integração de nova potência instalada em fontes de energia renovável nos sistemas elétricos.

Subscreva a nossa Newsletter

E receba em primeira mão atualidades do PRR.